Maio 24 2009

 

CASA DO MÉXICO------------Aljuriça-Cadima 
              Aldeia indígena algures na selva de Chiapas-México
 
        A CASA DO MÉXICO, localizada na ALJURIÇA,  contribue para a defesa do Patrimônio Histórico e Ambiental da Gândara Lusitana,para a defesa das florestas equatoriais e matas atlânticas.
 
OBJECTIVOS:Estudo e divulgação dos valores mais significativos do Patrimônio Natural,Histórico e Cultural da Gândara Lusitana.
                           
Propósitos:Passeios pedestres,tertúlias,conservação da NaturezaVer imagem em tamanho real
       Passeios a pé, de Aljuriça  às Fervenças ,ao encontro dos moinhos de água,da quinta da corga,da ponte da Azenha e dos olhos de água de Fervença de Cima.Nas redondezas do lugar da Azenha começa o contacto directo com a vegetação espontânea da paisagem terciária gandareza decorada de afetos,silvas,tojos,carqueja,mato.
      Entre as monótonas plantações de pinheiros,choupos e  eucaliptos ouvem-se os cucos,as rolas,os corvos(gralhas)pegas,gaios,merlos,capelos,piscos,pintassilgos e verdelhões.
       Estes passeios servem para purificar o cérebro,fugindo ao insano estilo de vida da cidade;para conhecer a história local da Gândara profunda;e,de alguma maneira,aprender a respeitar a Mãe-Natureza. 
                                                                                                                              
                                                                  ************************

Para meditar:Um dia que a nossa gaiola azul esteja super-lotada de porcarias,de fumos e de toxinas tóxicas,todos morreremos gritantemente…Somente se salvarão umas dúzias de selvagens que habitam a Amazônia.Os políticos, os banqueiros e os novos-ricos não se salvarão nos seus luxuosos bunkers.Nada é eterno neste nosso Planeta.Nem os diamantes!.                                                                   

publicado por luiscatina às 16:04

Maio 16 2009

 

                   Quem muito viu,sofreu.passou trabalhos,
                   Mágoas,humilhações,tristes surpresas;
                   E foi traído,e foi roubado e foi
                   Privado em extremo da justiça justa;
 
                   E andou terras e gentes,conheceu
                   Os mundos e submundos;e viveu
                   Dentro de si o amor de ter criado;
                   Quem tudo leu e amou,quem tudo foi—
 
 
                    Não sabe nada,nem triunfar que lhe cabe
                    Em sorte como a todos os que vivem.
                    Apenas não viver lhe dava tudo.
 
                    Inquieto e franco,altivo e carinhoso,
                    Será sempre sem pátria.E a própria morte,
                    Quando o buscar,há-de encontrá-lo morto.
 

                                  (Jorge de Sena,Trinta anos de poesia)

 

 

              TEMAS DA CULTURA

 
 
                                          As artes entre as letras
 
                                    Mensagem para Luis de Jesus
 
 
 
                Exmo.Senhor:
 
 
         É com particular particular agrado que nos dirigimos a V.Excia. para comunicar a publicação do jornal quinzenal “AS ARTES E AS             LETRAS”.
         Convidamo-lo a estar connosco desde o primeiro número,que tem data prevista para o próximo dia 27 de Maio.
 
                                Cumprimentos desta equipa do Singular Plural e saudações cordiais de Nassalete Miranda(directora do jornal”as artes e as letras”.     
 
************************                                                                      **********************************                                               **************************************
 
                    “As artes e as Letras” é um jornal quinzenal que nasce em maio para florir entre debates de idéias,da história e do patrimônio,das artes plásticas e da arquitectura,da música e da ciência,da filosofia e da literatura,do teatro e do cinema,da dança e da fotografia,mas também da lusofonia e do ensino e educação.
 
          A cultura é o nosso meio e o nosso fim.
          Propomo-nos contribuir para o desenvolvimento cultural do nosso país através da palavra escrita.
           Lusofonia—nossa pátria                              cultura--nosso mundo                              porto—nosso berço
 
         ( Nota: quem estiver interessado em assinar dito jornal quinzenal informo que a assinatura é de 50.00€uros com ivã e portes de envio incluídos. Contacto por e-mail: singplural@gmail.com                               
 
publicado por luiscatina às 17:21

Maio 10 2009

 

   

 (*)   Tenochtitlán:antiga capital do império azteca.Veja-se a grandiosidade da antiga tenochtitlán,hoje a segunda megalópolis da América Latina.

 

          Eu,Luis de Jesus(cidadão do mundo),nascido no coração da Gândara,fiz da minha vida um poema de aventuras.Durante as minhas viagens pelas Américas e Caraíbas,o México foi o País que mais me marcou:tive a sorte de fazer amizade com campesinos de Gualdalajara e ilustres  famílias  aztecas. O Governo Federal dos Estados Unidos Mexicanos reconheceu este servidor gandarêz ,no ano de 2006,como Embaixador da Cultura Mexicana,oferecendo-lhe uma mala de livros sobre a História do México.Os livros chegaram expressamente do Palácio Nacional  a Aljuriça por Correio Express,por ordem do ex-presidente mexicano  Vicente Fox.

publicado por luiscatina às 18:33

mais sobre mim
Maio 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

11
12
13
14
15

17
18
19
20
21
22
23

25
26
27
28
29
30

31


pesquisar
 
subscrever feeds
blogs SAPO